ENSINO FUNDAMENTAL DE NOVE ANOS: ANÁLISE E PERSPECTIVA DE AÇÃO

Autores

  • Nájela Tavares Ujiie Universidade Estadual do Centro-Oeste - UNICENTRO

Palavras-chave:

Ensino Fundamental de nove anos. Políticas educacionais. Práxis educativa. Pedagogia de projetos.

Resumo

Este artigo discute o ensino fundamental de nove anos, tendo em vista questões organizacionais e metodológicas. Deste modo, situa a educação da infância no cenário das políticas educacionais e prima por refazer o percurso organizacional e de institucionalização do ensino fundamental de nove anos no contexto educacional brasileiro. Apresenta, em seguida, pontos relevantes das exigências metodológicas e pedagógicas para o primeiro ano desta etapa de ensino. E focaliza, a Pedagogia de Projetos como alternativa metodológica plausível para o trabalho educativo nos anos iniciais do ensino fundamental, proporcionando uma práxis globalizante e atenta a dinâmica da complexidade que envolve a educação da infância.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Nájela Tavares Ujiie, Universidade Estadual do Centro-Oeste - UNICENTRO

Pedagoga, Psicopedagoga, Mestre em Educação pela UEPG, Professora do Departamento de Pedagogia, da Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO), Campus de Irati-PR, atuando na disciplina de Fundamentos da Educação Infantil. Líder do Grupo de Estudos e Pesquisa Práxis Educativa Infantil: saberes e fazeres da/na Educação Infantil – GEPPEI. E-mail: najelaujiie@yahoo.com.br

Downloads

Publicado

2010-03-15

Como Citar

Ujiie, N. T. (2010). ENSINO FUNDAMENTAL DE NOVE ANOS: ANÁLISE E PERSPECTIVA DE AÇÃO. Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 5(2), 37–45. Recuperado de https://journal.unoeste.br/index.php/ch/article/view/267