POLÍTICA NACIONAL DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES: UM ESTUDO SOBRE A EVASÃO NO CURSO DE PEDAGOGIA

Autores

  • Letícia Pereira de Sousa UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO
  • Célia Maria Fernandes Nunes Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) https://orcid.org/0000-0003-1033-7662

DOI:

https://doi.org/10.5747/ch.2023.v20.h551

Palavras-chave:

Educação Superior. Evasão. Formação de professores. Acesso e permanência.

Resumo

Diante da expansão da educação superior, resultante da implantação de políticas públicas de ampliação do acesso, as discussões sobre democratização, permanência, diplomação e evasão ganharam destaque no cenário nacional. O presente artigo tem por objetivo analisar as motivações que culminaram com a evasão de estudantes do curso de Pedagogia, presencial, de uma universidade federal do interior do estado de Minas Gerais. Os procedimentos metodológicos adotados para a realização do estudo se pautaram na revisão da literatura sobre temas relacionados ao acesso, permanência e evasão na educação superior. Como instrumento de coleta de dados, foi utilizado o questionário online no Google Forms além da realização de duas entrevistas semiestruturadas via Google Meet. O projeto foi submetido à Plataforma Brasil e ao Comitê de Ética em Pesquisa, obtendo parecer favorável. Os dados, analisados à luz das contribuições de Tinto (1975) e Coulon (1995, 2008), mostraram que, dentre os estudantes que não solicitaram apoio da assistência estudantil, o principal fator condicionante da evasão refere-se à incompatibilidade de horários entre o trabalho e o estudo, seguido da mudança de curso. Já dentre os estudantes que foram beneficiados com os programas de assistência estudantil, o motivo de maior destaque é o desinteresse pela área de atuação.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Célia Maria Fernandes Nunes, Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP)

    Doutora em Educação. Professora do curso de Pedagogia e do Programa de Mestrado em Educação da Universidade Federal de Ouro Preto.

Referências

ABREU, Luís; CARVALHO, José Raimundo. Análise do jogo induzido pelo mecanismo Sisu de alocação de estudantes em universidades. In: ENCONTRO NACIONAL DE ECONOMIA, 42., 2014, Natal. Anais [...]Rio de Janeiro: ANPEC, 2014. Disponível em: https://www.anpec.org.br/encontro/2014/submissao/files_I/i8-63b19702151c4ea9c41924b9a7a7b9d8.pdf. Acesso em: 23 jan. 2023.

AGUIAR, Márcia Angela da Silva; DOURADO, Luiz Fernandes. BNCC e formação de professores: concepções, tensões, atores e estratégias. Retratos da Escola, Brasília, v. 13, n. 25, p. 33-37, 2019. Disponível em: https://retratosdaescola.emnuvens.com.br/rde/article/view/990. Acesso em: 24 jan. 2023. https://doi.org/10.22420/rde.v13i25.990

ALMEIDA, Leandro S. Transição, adaptação acadêmica e êxito escolar no ensino superior. Revista Galego-portuguesa de Psicoloxía e Educación, Braga, ano 11, v. 15, n. 2, 2007. p. 203-215. Disponível em: https://core.ac.uk/download/pdf/61900707.pdf. Acesso em: 23 jan. 2023.

ALMEIDA, Leandro S.; SOARES, Ana Paula. Os estudantes universitários: sucesso escolar e desenvolvimento psicossocial. In: MERCURI, Elizabeth; POLYDORO, Soely A. J. (org.). Estudante universitário: características e experiências de formação. Taubaté: Cabral Editora e Livraria Universitária, 2003. p. 15-40.

ANDIFES. Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior. V Pesquisa Nacional de Perfil Socioeconomico e Cultural dos (as) Graduandos (as) das IFES – 2018. Brasília: Fonaprace, 2019. Disponível em: https://www.andifes.org.br/wp-content/uploads/2021/07/Clique-aqui-para-acessar-o-arquivo-completo.-1.pdf. Acesso em: 23 jan. 2023.

ARAÚJO, Regina Magna Bonifácio de; NUNES, Célia Maria Fernandes; BRAGA, Iris

M. F. O aluno egresso do curso de Pedagogia da Universidade Federal de Ouro Preto:

trajetória e inserção profissional. Mariana: UFOP, 2020.

ASSOCIAÇÃO NACIONAL PELA FORMAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO. Manifestação ANFOPE sobre DCN Pedagogia. 2021. Disponível em: https://www.anfope.org.br/wp-content/uploads/2021/04/Nota-ao-CNE-sobre-Proposta-DCNS-Pedagogia.pdf. Acesso em: 23 jan. 2023.

BAZZO, Vera; SCHEIBE, Leda. De volta para o futuro... retrocessos na atual política de formação docente. Revista Retratos da Escola, Brasília, v. 13, n. 27, p. 669-684, set./dez. 2019. Disponível em: https://retratosdaescola.emnuvens.com.br/rde/article/view/1038. Acesso em: 23 jan. 2023. https://doi.org/10.22420/rde.v13i27.1038

BOURDIEU, Pierre. Escritos de Educação. Petrópolis: Vozes, 1998.

BRASIL. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Censo da Educação Superior: Sinopse Estatística – 2016. Disponível em: https://download.inep.gov.br/educacao_superior/censo_superior/resumo_tecnico/resumo_tecnico_censo_da_educacao_superior_2016.pdf. Acesso em: 23 jan. 2023.

BRASIL. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Censo da Educação Superior: Sinopse Estatística – 2021. Disponível em: https://download.inep.gov.br/educacao_superior/censo_superior/documentos/2021/apresentacao_censo_da_educacao_superior_2021.pdf. Acesso em: 23 jan. 2023.

BRASIL. Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação. Resolução CNE/CP nº 02, de 1º de julho de 2015. Define as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação Inicial em nível superior (cursos de licenciatura, cursos de formação pedagógica para graduados e cursos de segunda licenciatura) e para a formação continuada. Brasília: Portal MEC. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/docman/agosto-2017-pdf/70431-res-cne-cp-002-03072015-pdf/file. Acesso em: 23 jan. 2023.

BRASIL. Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação. Resolução CNE/CP nº 02, de 20 de dezembro de 2019. Define as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação Inicial de professores para a Educação Básica e institui a Base Nacional Comum para a Formação Inicial de Professores da Educação Básica (BNC-Formação). 2019b. Portal MEC. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/docman/dezembro-2019-pdf/135951-rcp002-19/file. Acesso em: 23 jan. 2023.

CASTRO, Alexandre Kurtz dos Santos de; TEIXEIRA, Marco Antonio Pereira. Evasão universitária: modelos teóricos internacionais e o panorama das pesquisas no Brasil. Psicologia Argumento, Curitiba, v. 32, n. 79, p. 9-17, supl. 2, 2014. Disponível em: https://periodicos.pucpr.br/psicologiaargumento/article/view/19693/19021. Acesso em: 23 jan. 2023.

CERTEAU, Michel de. A invenção do cotidiano: artes di fazer. Petropolis: RJ, Vozes, 1994.

CINTRA, Paula Cinthya Silva; COSTA, Renata Luiza da. Diretrizes Curriculares Nacionais para formação de professores para Educação Básica de 2015 e 2019: Perspectivas prática e emancipadora. Research, Society and Development, Vargem Grande Paulista, v. 9, n. 9, p. e208996575, 2020. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/6575. Acesso em: 23 abr. 2022. https://doi.org/10.33448/rsd-v9i9.6575

COSTA, Eliane Miranda; MATTOS, Cleide Carvalho de; CAETANO, Vivianne Nunes da Silva. Implicações da BNC-formação para a universidade pública e formação docente. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 16, n. 1, p. 896-909, mar. 2021. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/14924/10561. Acesso em: 20 mar. 2022. https://doi.org/10.21723/riaee.v16iEsp.1.14924

COULON, Alain. Etnometodologia e Educação. Petrópolis, RJ: Vozes, 1995.

COULON, Alain. A condição de estudante: a entrada na vida universitária. Salvador: EDUFBA, 2008.

DINIZ-PEREIRA, Júlio Emílio. Formação de professores da Educação Básica no Brasil no limiar dos 20 anos da LDBEN. Notandum, Maringá, v. 42, p. 139-160, set./dez. 2016. Disponível em: http://www.hottopos.com/notand42/10%20-%20JULIO%20DINIZ.pdf. Acesso em: 23 jan. 2023. https://doi.org/10.4025/notandum.42.10

DINIZ-PEREIRA, Júlio Emílio. Nova tentativa de padronização dos currículos dos cursos de licenciatura no Brasil: a BNC-Formação. Práxis Educacional (ONLINE), v. 17, p. 1-19, 2021. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/8916. Acesso em: 23 jan. 2023. https://doi.org/10.22481/praxisedu.v17i46.8916

DOURADO, Luiz Fernandes. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação Inicial e Continuada dos Profissionais do Magistério da Educação Básica: concepções e desafios. Educação e Sociedade, Campinas, v. 36, nº. 131, p. 299-324, abr.-jun.2015. Disponível em: https://www.scielo.br/j/es/a/hBsH9krxptsF3Fzc8vSLDzr/abstract/?lang=pt. Acesso em: 23 jan. 2023. https://doi.org/10.1590/ES0101-73302015151909

ELIAS, Norbert. A sociedade dos indivíduos. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 1994.

FREITAS, Helena Costa Lopes de. Formação de professores no Brasil: 10 anos de embate entre projetos de formação. Educação e Sociedade, Campinas, v. 23, n. 80, p. 136-167, set. 2002. Disponível em: https://www.scielo.br/j/es/a/hH5LZRBbrDFKLX7RJvXKbrH/abstract/?lang=pt. Acesso em: 23 jan. 2023. https://doi.org/10.1590/S0101-73302002008000009

FREITAS, Helena Costa Lopes de. Uma base para a formação: que concepções a informam? Versão online. 2019. Disponível em: https://formacaoprofessor.com/2019/09/27/uma-base-para-a-formacao-que-concepcoes-a-informam-ii/. Acesso em: 5 mar. 2022.

GATTI, Bernadete et al. Professores Do Brasil: Novos cenários de formação. Brasília:

UNESCO, 2019. Disponível em: https://unesdoc.unesco.org/ark:/48223/pf0000367919. Acesso em: 23 jan. 2023.

LACERDA, Wânia Maria Guimarães. Famílias e filhos na construção de trajetórias escolares pouco prováveis: o caso dos iteanos. 2006. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Federal Fluminense, Rio de Janeiro, 2006.

LOBO FILHO, Roberto L.; MOTEJUNAS, Paulo Roberto; HIPÓLITO, Oscar; LOBO, Maria Beatriz de C. M. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 37, n. 132, p. 641-659, set./dez. 2007. Disponível em: https://www.scielo.br/j/cp/a/x44X6CZfd7hqF5vFNnHhVWg/?format=pdf. Acesso em: 23 jan. 2023. https://doi.org/10.1590/S0100-15742007000300007

MAUÉS, Olgaíses Cabral. Reformas internacionais da educação e formação de professores. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, n. 118, p. 89-118, mar. 2003. Disponível em: https://www.scielo.br/j/cp/a/R7cbbYVF3RwC5wn3vBp4Ndw/abstract/?lang=pt. Acesso em: 23 jan. 2023. https://doi.org/10.1590/S0100-15742003000100005

MILITÃO, Andréia Nunes. Inserção da terminologia “direito à aprendizagem” no arcabouço legal da formação de professores. Práxis Educacional, Vitória da Conquista, v. 17, n. 46, p. 152-176, 2021. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/8921. Acesso em: 22 mar. 2022. https://doi.org/10.22481/praxisedu.v17i46.8921

NOGUEIRA, Cláudio Marques Martins. Escolha racional ou disposições incorporadas: diferentes referenciais teóricos na análise sociológica do processo de escolha dos estudos superiores. Estudos de Sociologia, Recife, v. 2, n. 18, mar. 2013. Disponível em: https://periodicos.ufpe.br/revistas/revsocio/article/view/235241. Acesso em: 24 jan. 2023.

NOGUEIRA, Cláudio Marques Martins; NONATO, Bréscia França; RIBEIRO, Gustavo Meirelles; FLONTINO, S. R. D. Promessas e limites: o SiSU e sua implementação na Universidade Federal de Minas Gerais. Educação em Revista, Belo Horizonte, v. 33, p. 61-90, 2017. Disponível em: https://www.scielo.br/j/edur/a/vBZSprC4YgKLgGpwXjJYC8v/?format=pdf&lang=pt. Acesso em: 13 dez. 2022. https://doi.org/10.1590/0102-4698161036

NOGUEIRA, Cláudio Marques Martins; PEREIRA, Flávia Goulart. O gosto e as condições de sua realização: a escolha por Pedagogia entre estudantes com perfil social e escolar mais elevado. Educação em Revista, Belo Horizonte, v. 26, p. 15-38, 2010. Disponível em: https://www.scielo.br/j/edur/a/TFSj6p5RdCwnRdvpTkWNK7D/abstract/?lang=pt. Acesso em: 24 jan. 2023. https://doi.org/10.1590/S0102-46982010000300002

PEIXOTO, Maria do Carmo de Lacerda. Democratização e desigualdades na educação superior: o caso do Brasil. Universidades – UDUAL, México, n. 74, oct./dic. 2017. p.51-62. Disponível em: https://www.redalyc.org/pdf/373/37354774005.pdf. Acesso em: 13 dez. 2022.

PIOTTO, Débora Cristina. As exceções e suas regras: estudantes das camadas populares em uma universidade pública. 2007. Tese (Doutorado em Psicologia) – Instituto de Psicologia, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007.

PORTES, Écio Antônio. Trajetórias e estratégias escolares do universitário das camadas populares. 1993. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Educação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 1993.

PORTES, Écio Antônio. Trajetórias escolares e vida acadêmica do estudante pobre da UFMG – um estudo a partir de cinco casos. 2001. Tese (Doutorado em Educação)-Faculdade de Educação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2001.

RIBEIRO, Jorge Luiz L. S.; MORAIS, Vitor Guimarães. A possível relação entre o SiSU e a evasão nos primeiros semestres dos cursos universitários. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 25, e250040, 2020. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rbedu/a/N5w6Z7sWckXQXR83g5MYmLw/?format=pdf&lang=pt. Acesso em: 23 jan. 2023. https://doi.org/10.1590/s1413-24782020250040

RISTOFF, Dilvo Ilvo. O novo perfil do campus brasileiro: uma análise do perfil socioeconômico do estudante de graduação. Avaliação, Campinas: Unicamp, v. 19, p. 723-747, 2014. Disponível em: https://periodicos.uniso.br/avaliacao/article/view/2058. Acesso em: 23 jan. 2023. https://doi.org/10.1590/S1414-40772014000300010

RISTOFF, Dilvo Ilvo. Democratização do campus: impacto dos programas de inclusão sobre o perfil da graduação. Cadernos do GEA, Rio de Janeiro, n. 9, jan./jun. 2016. Disponível em: http://flacso.org.br/files/2017/03/Caderno_GEA_N9_Democratiza%C3%A7%C3%A3o-do-campus.pdf. Acesso em: 23 jan. 2023.

ROMANELLI, Geraldo. Famílias de camadas médias e escolarização dos filhos. O estudante-trabalhador. In: NOGUEIRA, Maria Alice; ROMANELLI, Geraldo; ZAGO, Nadir (org.). Família e escola. trajetórias de escolarização em camadas médias e populares. Petrópolis: Vozes, 2007. p. 100-123.

SOUSA, Letícia Pereira. Reserva de vagas na Universidade Federal de São João del-Rei: o perfil dos beneficiados pela ação afirmativa 2 em 2010. 2013. 240 p. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de São João del-Rei, São João del-Rei, 2013.

SOUSA, Letícia Pereira de. A moradia estudantil no processo de afiliação e integração à vida acadêmica. 2020. 374 p. Tese (Doutorado em Educação)) – Faculdade de Educação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2020.

SOUSA, Letícia Pereira de; NUNES, Célia Maria Fernandes. Evasão no ensino superior: o caso do curso de Pedagogia da Universidade Federal de Ouro Preto. In: CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO - EDUCERE, XII., 2015, Curitiba. Anais [...]. Curitiba: Pontifícia Universidade Católica do Paraná, 2015. p. 42439- 42453. Disponível em: https://educere.bruc.com.br/arquivo/pdf2015/21082_8342.pdf. Acesso em: 23 maio 2022.

TINTO, Vincent. Dropout from higher education: a theoretical synthesis of recent research. Review of Educational Research, Washington, v. 45, n. 1, p. 89-125, Winter 1975. https://doi.org/10.3102/00346543045001089

TINTO, Vicent. Leaving College: rething the causes and cures os student attrition. Chicago: University of Chicago Press, 1993. https://doi.org/10.7208/chicago/9780226922461.001.0001

VIANA, Maria José Braga. Longevidade escolar em famílias de camadas populares: algumas condições de possibilidade. 1998. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 1998.

ZAGO, Nadir. Do acesso à permanência no ensino superior: percursos de estudantes universitários das camadas populares. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 11, n. 32, maio/ago. 2006. p. 226-370. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rbedu/a/wVchYRqNFkssn9WqQbj9sSG/abstract/?lang=pt. Acesso em: 23 jan. 2023. https://doi.org/10.1590/S1413-24782006000200003

ZAGO, Nadir; PEREIRA, Thiago Ingrassia; PAIXÃO, Lea Pinheiro. Expansão do

Ensino Superior: problematizando o acesso e a permanência de estudantes em uma nova

universidade federal. In: REUNIÃO NACIONAL DA ANPEd, 37., Florianópolis. Anais [...] Belo Horizonte: UFSC, 2015. Disponível em: http://37reuniao.anped.org.br/wp-content/uploads/2015/02/Trabalho-GT14-3932.pdf. Acesso em: 23 jan. 2023.

Downloads

Publicado

2023-05-25

Edição

Seção

Dossiê: Políticas Educacionais e formação de professoras/es

Como Citar

POLÍTICA NACIONAL DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES: UM ESTUDO SOBRE A EVASÃO NO CURSO DE PEDAGOGIA. (2023). Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 20(1), e234483. https://doi.org/10.5747/ch.2023.v20.h551

Artigos Semelhantes

1-10 de 543

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.