A FANTASIA DO REAL NO CONTEXTO DA EDUCAÇÃO INFANTIL: DESCOBRINDO SENTIDOS E SIGNIFICADOS PARA UMA EDUCAÇÃO DIFERENCIADA

Autores

  • Denise Watanabe UNESP-FCT
  • Rosimeire Marques Gonçalves UNESP-FCT
  • Tony Aparecido Moreira Moreira UNESP-FCT
  • José Milton de Lima FCT - UNESP, Pres. Prudente

Palavras-chave:

Sociologia da Infância, Imaginação, Ludicidade, Infância, cultura de pares

Resumo

Este artigo expõe resultados de uma pesquisa de Iniciação Científica realizada em algumas salas de Educação Infantil de uma escola periférica de um município do interior paulista. Com o objetivo de estimular a imaginação infantil e ampliar o repertório lúdico das crianças e das professoras utilizou-se brincadeiras; histórias; personagens imaginários; fotos; observações; anotações no diário de campo; diálogos, questionários e entrevista com as crianças e as professoras. De natureza qualitativa e fundamentada na Sociologia da Infância, adotou-se a metodologia da pesquisa-intervenção, com vista a levantar reflexões teóricas e práticas que colaborassem com transformações na realidade. Como resultados destacam-se uma efetiva participação das crianças nas brincadeiras e atividades; avanços nas relações com a pesquisadora e com os pares infantis; a maior valorização do espaço educativo e das culturas infantis pelos envolvidos na pesquisa e a solicitação de crianças e de adultos para que a pesquisa se ampliasse a outras seriações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Como Citar

Watanabe, D., Gonçalves, R. M., Moreira, T. A. M., & Lima, J. M. de. (2015). A FANTASIA DO REAL NO CONTEXTO DA EDUCAÇÃO INFANTIL: DESCOBRINDO SENTIDOS E SIGNIFICADOS PARA UMA EDUCAÇÃO DIFERENCIADA. Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 11(2), 01–18. Recuperado de https://journal.unoeste.br/index.php/ch/article/view/1177

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)