O EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO: O QUE REVELAM OS DADOS POR ÁREA DE CONHECIMENTO NUM PERÍODO DECENAL?

  • Tatiane Oliveira Santos Nascimento
  • Daiane Gonçalves de Souza Universidade Estadual Paulista (Unesp), campus de Presidente Prudente/Mestrado em Educação
  • Aletheia Machado de Oliveira Universidade Estadual Paulista (Unesp), campus de Presidente Prudente/Doutorado em Educação
Palavras-chave: Exame Nacional do Ensino Médio. Avaliação. Desempenho. Estatística descritiva

Resumo

O presente trabalho teve como objetivo geral expor e analisar o contexto das médias gerais do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) por área do conhecimento, por meio de dados coletados do site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), ao longo de 10 anos (2009-2018). Apresenta uma breve análise da trajetória do ensino médio no Brasil, bem como a idealização, a implementação e reformulação do ENEM e a forma como ocorre a avaliação deste exame. Partimos da abordagem quantitativa utilizando a estatística descritiva como método de análise dos dados coletados e realizamos uma pesquisa exploratória acerca do levantamento das seguintes áreas de conhecimento, a saber: Linguagens e Códigos e suas Tecnologias, Matemática e suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias e Ciências da Natureza e suas Tecnologias. Para a coleta realizamos uma apuração crítica dos dados, utilizando-se da ferramenta tecnológica Microsoft Excel 2013, empregando algumas medidas descritivas através da média aritmética, variância e desvio padrão.  Os dados revelam um discreto movimento com relação as notas médias em todas as áreas de conhecimento, com um notório distanciamento nas quatro áreas de conhecimentos entre as notas mínimas, médias e máximas, o que nos permite concluir que há um lineamento dos dados, isto é, pouco avanço na educação em termos quantitativos durante tal período.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ARANHA, Maria Lucia de Almeida. História da educação e da pedagogia: geral e Brasil. 3. ed. São Paulo: Moderna, 2006.

BRASIL. Lei nº 4.024, de 20 de dezembro de 1961. Fixa as Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 27 dez. 1961. Disponível em: https://www2.camara.leg.br/legin/fed/lei/1960-1969/lei-4024-20-dezembro-1961-353722-publicacaooriginal-1-pl.html. Acesso em: 18 abr. 2019.

BRASIL. Lei nº 5.692, de 11 de agosto de 1971. Fixa Diretrizes e Bases para o ensino de 1º e 2º graus, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 12 ago. 1971. Disponível em: https://www2.camara.leg.br/legin/fed/lei/1970-1979/lei-5692-11-agosto-1971-357752-publicacaooriginal-1-pl.html. Acesso em: 17 abr. 2019.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 23 dez.1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L9394.htm. Acesso em: 17 abr. 2019.

BRASIL. Lei nº 13.415, de 16 de fevereiro de 2017. Altera as Leis nos 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, e 11.494, de 20 de junho 2007, que regulamenta o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação, a Consolidação das Leis do Trabalho - CLT, aprovada pelo Decreto-Lei no 5.452, de 1o de maio de 1943, e o Decreto-Lei no 236, de 28 de fevereiro de 1967; revoga a Lei no 11.161, de 5 de agosto de 2005; e institui a Política de Fomento à Implementação de Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 12 fev. 2017. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2015-2018/2017/Lei/L13415.htm. Acesso em: 10 abr. 2019.

BRASIL. Lei nº 13.415, de 16 de fevereiro de 2017. Altera as Leis nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, e 11.494, de 20 de junho 2007, que regulamenta o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação, a Consolidação das Leis do Trabalho - CLT, aprovada pelo Decreto-Lei nº 5.452, de 1º de maio de 1943, e o Decreto-Lei nº 236, de 28 de fevereiro de 1967; revoga a Lei nº 11.161, de 5 de agosto de 2005; e institui a Política de Fomento à Implementação de Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 17 fev. 2017. Disponível em: https://www2.camara.leg.br/legin/fed/lei/2017/lei-13415-16-fevereiro-2017-784336-publicacaooriginal-152003-pl.html. Acesso em: 29 abr. 2019.

BRASIL. Ministério da Educação e Cultura. Portaria nº 438, de 28 de maio de 1988. Institui o Exame Nacional do Ensino Médio. Diário Oficial da União, DF, 01 jun. 1998. Disponível em: https://www.legisweb.com.br/legislacao/?id=181748. Acesso em: 30 abr. 2019.

BRASIL. Ministério da Educação E Cultura. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Matriz de referência ENEM. 2012. Disponível em: http://portal.inep.gov.br/informacao-da-publicacao/-/asset_publisher/6JYIsGMAMkW1/document/id/493832. Acesso em: 25 mai. 2019.

BRASIL. Ministério da Educação. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Relatório Pedagógico 2009-2010. 2013. Disponível em: http://download.inep.gov.br/educacao_basica/enem/downloads/2012/matriz_referencia_enem.pdf. Acesso em: 04 mai. 2019.

BRZEINSKI, Iria et al. LDB Interpretada: diversos olhares se entrecruzam. São Paulo: Cortez, 2001.

CASTRO, Maria Helena Guimarães de. Enem: uma avaliação inovadora. INEP, 1999. Disponível em: http://inep.gov.br/artigo/-/asset_publisher/B4AQV9zFY7Bv/content/enem-uma-avaliacao-inovadora/21206. Acesso em: 19 maio 2019.

CRESPO, Antônio Arnot. Estatística Fácil. 19. ed. São Paulo: Saraiva, 2009.

MARTINS, Gilberto de Andrade; DOMINGUES, Osmar. Estatística geral e aplicada. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2017.

QEDU, 2019. Disponível em: https://www.qedu.org.br/. Acesso em: 10 maio 2019.

RICHARDSON, Roberto Jarry et al. Pesquisa Social: métodos e técnicas. 3 ed. São Paulo: Atlas, 2012.

ROMANELLI, Otaíza de Oliveira. História da Educação no Brasil: (1930/1973). 36. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2010.

SAKALAUSKAS, Silvia Renata.; TREVISAN, André Luis. Enem: rompendo paradigmas para a conclusão do Ensino Médio. Revista Debates em Educação, v. 9, n.19, p. 01-18, set/dez 2017. Disponível em: http://www.seer.ufal.br/index.php/debateseducacao/article/view/2811. Acesso em: 08 abr. 2019. DOI: 10.28998/2175-6600.2017v9n19p01.

Publicado
2020-05-29
Como Citar
Oliveira Santos Nascimento, T., Souza, D. G. de, & Oliveira, A. M. de. (2020). O EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO: O QUE REVELAM OS DADOS POR ÁREA DE CONHECIMENTO NUM PERÍODO DECENAL?. Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 17, 61-74. Recuperado de http://journal.unoeste.br/index.php/ch/article/view/3377