A PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA E SUAS POSSIBILIDADES PARA A PROMOÇÃO DO SABER ELABORADO

Palavras-chave: Pedagogia Histórico-Crítica; Materialismo Histórico-Dialético, Saber elaborado; formação humana.

Resumo

Este artigo tem como objetivo principal apresentar elementos fundamentais para refletir sobre o papel da educação na sociedade contemporânea e as possibilidades da Pedagogia Histórico-Crítica na promoção do saber elaborado. As análises foram contextualizadas a partir de uma pesquisa bibliográfica, fundamentada na concepção de homem do Materialismo Histórico-Dialético, bem como nos objetivos da educação preconizados pela Pedagogia Histórico-Crítica. Pensar na formação humana por meio do trabalho educativo, como ato de produzir direta e intencionalmente nos alunos a humanidade produzida historicamente pelo conjunto dos homens, pressupõe uma fundamentação que eleve o sujeito à apropriação da cultura elaborada historicamente, o que pode vislumbrar uma nova percepção da sua realidade social.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Geuciane Felipe Guerim Fernandes, Universidade Estadual de Londrina/UEL

Doutoranda em Educação pela Universidade Estadual de Londrina - UEL. Professora colaboradora na Universidade Estadual do Norte do Paraná - UENP.

Sandra Aparecida Pires Franco, Universidade Estadual de Londrina/UEL

Pós-Doutora em Educação pela UNESP de Marília - SP. Professora adjunto do Departamento de Educação da Universidade Estadual de Londrina - UEL, na área de Didática e professora da Programa de Pós-Graduação em Educação - UEL. 

Referências

ANDERY, M. A. P. A; SÉRIO, T. M. A. P. A prática, a História e a construção do conhecimento: Karl Marx . In: ANDERY, M. A. P. A. et al. Para compreender a ciência: uma perspectiva histórica. 5. ed. Rio de Janeiro: Espaço e Tempo, 1994. p. 402-434.

CAMBI, F. História da pedagogia. Tradução de Álvaro Lorencini. São Paulo: UNESP, 1999.

DUARTE, Newton. Educação escolar, teoria do cotidiano e a escola de Vigotski. 3. ed. Campinas: Autores associados, 2001.

DUARTE, N. Sociedade do conhecimento ou sociedade das ilusões? Quatro ensaios crítico-dialéticos em filosofia da educação. Campinas, SP: Autores Associados, 2008.

ENGELS, F. Sobre o papel do trabalho na transformação do macaco em homem. 1876. Disponível em: . Acesso em: 20 fev. 2016.

GASPARIN, J. L. Uma didática para a pedagogia histórico-crítica. Campinas: Autores Associados, 2012.

GAMBOA, S. S. Os projetos de pesquisa: alguns fundamentos lógicos necessários. In BRYAN, N.; MIRANDA, E. (Editores). (Re) pensarlaeducación pública: aportes desde Argentina y Brasil, Córdoba: Ed Universidad Nacional de Córdoba, 2011.

LOMBARDI, J.; SAVIANI, D.; SANFELICE, J. L. (Orgs.). Capitalismo, trabalho e educação. Campinas, Autores Associados, 2002.

LUKÁCS, G. História e consciência de classe. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

MARX, K. O Capital: crítica da economia política. Livro 1. V. 1. Tomo 1. (Os economistas). Tradução por Regis Barbosa e Flávio R. Kothe. Editora Nova Cultura LTDA, 1996a.

MARX, K. O Capital: crítica da economia política.Livro 1. V. 1. Tomo 2. (Os economistas). Tradução por Regis Barbosa e Flávio R. Kothe. Editora Nova Cultura LTDA, 1996b.

MARX, K. Manuscritos econômico-filosóficos. Tradução de Jesus Ranieri. São Paulo: Boitempo Editorial, 2004.

MARX, Karl. Carta a Pável V. Annenkov (em Paris). 28 de Dezembro de 1846. 2006. Disponível em: . Acesso em: 10 fev. 2016.

MARX, K. Contribuição à Crítica da Economia Política. Tradução e Introdução de Florestan Fernandes. 2. ed. São Paulo: Expressão Popular, 2008a.

MARX. K. Manifesto do partido comunista. São Paulo: Expressão Popular, 2008b.

MARX, K. Miséria da Filosofia. São Paulo: Expressão Popular, 2009.

MARX, K. Contribuição à Crítica da filosofia do direito de Hegel. Introdução. São Paulo: Expressão Popular, 2010.

MARX, K. ENGELS, F. A ideologia alemã. Tradução Luiz Claudio de Castro e Costa.3. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2007.

NETTO, João Paulo. O que é Marxismo. 9 ed. São Paulo: Brasiliense, 2006.

NETTO, J. P. Introdução ao estudo do método de Marx. 1 ed. São Paulo: Expressão Popular, 2011.

OLIVEIRA, B.; DUARTE, N. A socialização do saber escolar. São Paulo: Cortez: Autores Associados, 1986.

RUIZ, Maria José Ferreira. A escola estatal capitalista e a educação do trabalhador. Revista Trabalho e Educação, Belo Horizonte, v.23 , n.1, p. 119-137 ,jan-abr. 2014.

SAVIANI, D. Trabalho e educação: fundamentos ontológicos e históricos. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 12, n. 34, jan./abr. 2007. Disponível em: . Acesso em: 20 abr. 2016.

SAVIANI, D. Escola e democracia.(Coleção educação contemporânea). Campinas: Autores Associados, 2008.

SAVIANI, Dermeval. Modo de produção e a Pedagogia Histórico-Crítica.Germinal: Marxismo e Educação em Debate, Londrina, v. 1, n. 1, p. 110-116, jun. 2009. Disponível em: . Acesso em: 10 nov. 2015.

SAVIANI, D. Pedagogia histórico-crítica: primeiras aproximações. 11. ed. Campinas: Autores Associados, 2011a.

SAVIANI, D. Origem e desenvolvimento da pedagogia histórico-crítica. In: COLÓQUIO INTERNACIONAL MARX E ENGELS - “Marxismo e Educação: Fundamentos Marxistas da Pedagogia Histórico-Crítica”, 7, 2012, Campinas. Anais Eletrônicos... Campinas: IFCH-UNICAMP, 2012. Mesa Redonda. Disponível em: . Acesso em: 4 ago. 2015.

SAVIANI, D. Sobre a natureza e especificidade da educação. Germinal:
Marxismo e Educação em Debate, Salvador, v.7 n. 1, p. 286-293, jun. 2015a. Disponível
em:<
http://www.portalseer.ufba.br/index.php/revistagerminal/article/view/13575/951>
Acesso em: 20 dez. 2015.

SAVIANI, D. O conceito dialético de mediação na pedagogia histórico-crítica em intermediação com a psicologia histórico-cultural. Germinal: Marxismo e Educação em Debate, Salvador, v. 7 n. 1, p. 26-43, jun. 2015b. Disponível
em:Acesso em: 20 dez. 2015.
Publicado
2019-07-08
Como Citar
Fernandes, G. F. G., & Franco, S. A. P. (2019). A PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA E SUAS POSSIBILIDADES PARA A PROMOÇÃO DO SABER ELABORADO. Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 16(2), 164-171. Recuperado de http://journal.unoeste.br/index.php/ch/article/view/3013
Seção
FUNDAMENTOS FILOSÓFICOS, DIDÁTICOS E PSICOLÓGICOS DA PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA