TRIAGEM DO PROCESSAMENTO AUDITIVO EM ESCOLARES

Autores

  • Patrícia Arruda de Souza Alcarás Universidade do Oeste Paulista
  • Nyeje Viotto Altomare Universidade do Oeste Paulista
  • Maria Cristina Alves Corazza Universidade do Oeste Paulista
  • Sandra Silva Lustosa Universidade do Oeste Paulista

Palavras-chave:

audição, aprendizagem, triagem

Resumo

O presente estudo teve por objetivo detectar possível alteração do processamento auditivo em escolares do 6° e 7° ano do ensino fundamental de uma escola localizada no interior do estado de São Paulo. A amostra foi composta por 32 crianças, de ambos os sexos, entre a faixa etária de 10 a 13 anos. Os procedimentos para a coleta dos dados deram-se pela aplicação de um questionário estruturado, inspeção do canal auditivo externo e avaliação simplificada do processamento auditivo. Os resultados revelaram que a maioria (68,75%) possuía pelo menos uma queixa relacionada à audição, fala e linguagem, entretanto, 75% das crianças passou nos testes da avaliação simplificada do processamento auditivo. Mediante aos resultados é possível concluir que as crianças que apresentaram queixas relacionadas à audição, fala e linguagem, a maioria passou nos testes simplificados do processamento auditivo, visto que ao comparar a ocorrência de crianças sem queixas não houve relação significante.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Patrícia Arruda de Souza Alcarás, Universidade do Oeste Paulista

Faculdade de Fonoaudiologia de Presidente Prudente - Ciências da Saúde

Nyeje Viotto Altomare, Universidade do Oeste Paulista

Faculdade de Fonoaudiologia de Presidente Prudente - Ciências da Saúde

Maria Cristina Alves Corazza, Universidade do Oeste Paulista

Faculdade de Fonoaudiologia de Presidente Prudente - Ciências da Saúde

Sandra Silva Lustosa, Universidade do Oeste Paulista

Faculdade de Fonoaudiologia de Presidente Prudente - Ciências da Saúde

Downloads

Publicado

2017-08-31

Como Citar

Alcarás, P. A. de S., Altomare, N. V., Corazza, M. C. A., & Lustosa, S. S. (2017). TRIAGEM DO PROCESSAMENTO AUDITIVO EM ESCOLARES. Colloquium Vitae. ISSN: 1984-6436, 9(1), 58–65. Recuperado de https://journal.unoeste.br/index.php/cv/article/view/1377

Edição

Seção

Artigos Originais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)