AVALIAÇÃO NUTRICIONAL DE PRATICANTES DE MUSCULAÇÃO COM OBJETIVO DE HIPERTROFIA MUSCULAR DO MUNICÍPIO DE CASCAVEL – PARANÁ

Autores

  • Ana Flávia de Oliveira
  • Elis Carolina de Souza Fatel
  • Bruno Moreira Soares
  • Diogo Círico

Palavras-chave:

Anabolizantes. Consumo Alimentar. Hábitos Alimentares. Suplementos Alimentares

Resumo

O presente estudo teve por objetivo avaliar hábitos alimentares e investigar o uso de suplementos nutricionais e anabolizantes em praticantes de musculação. Foram avaliados 11 indivíduos praticantes de musculação com objetivo de hipertrofia muscular do município de Cascavel – Paraná, sendo todos do sexo masculino. A avaliação da alimentação foi realizada através de inquéritos alimentares. A ingestão de micronutrientes, macronutrientes e fibras alimentares foram analisadas de acordo com as recomendações nutricionais preconizadas. Foram coletadas informações sobre uso de suplementos nutricionais e anabolizantes. Quanto à orientação nutricional apenas quatro (36,4%) indivíduos já receberam este tipo de serviço. Em relação ao uso de suplementos alimentares, cinco (45,5%) fazem uso, sendo citados sete tipos diferentes. Quanto ao uso de anabolizantes três (27,3%) relataram usar ou já terem feito uso. Cerca de 8 (72,7%) apresentaram consumo energético superior a 3000 kcal e a média da ingestão de macronutrientes mostrou uma dieta desbalanceada, pobre em carboidratos (40,2 ± 8,4%) e rica em gorduras (36 ± 5,9%). Através deste trabalho, observou-se que os indivíduos avaliados têm consciência da necessidade da alimentação adequada para obter hipertrofia muscular, porém, nota-se hábitos alimentares errôneos, indicando possíveis riscos à saúde em longo prazo e até mesmo diminuição no desempenho atlético.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2009-03-17

Como Citar

Oliveira, A. F. de, Fatel, E. C. de S., Soares, B. M., & Círico, D. (2009). AVALIAÇÃO NUTRICIONAL DE PRATICANTES DE MUSCULAÇÃO COM OBJETIVO DE HIPERTROFIA MUSCULAR DO MUNICÍPIO DE CASCAVEL – PARANÁ. Colloquium Vitae. ISSN: 1984-6436, 1(1), 44–52. Recuperado de https://journal.unoeste.br/index.php/cv/article/view/151