YIELD, BIOMASS PRODUCTION AND NUTRIENTS ACCUMULATION OF SUPER EARLY GENOTYPE OF COMMON BEAN

  • Adriano Stephan Nascente Embrapa Arroz e Feijão, Santo Antônio de Goiás, GO
  • Maria da Conceição Santana Carvalho EMBRAPA ARROZ E FEIJÃO
Palavras-chave: Phaseolus vulgaris, growth analysis, nutrient content, nutrient uptake, Brazilian cerrado, sustainable agriculture.

Resumo

This work aimed to study the biomass production and nutrient uptake during plant development and nutrients exported by the grains of a super early genotype (SEG) of common bean. The irrigated field experiment was done during the 2016 growing season (winter season), under no-tillage system conditions, in the Cerrado region. Experimental design was in complete randomized block in split plots scheme, with four replications. Main plots comprised SEG of common bean (Colibri – check cultivar and CNFC 15874) and subplots were nine times of plant collection (14, 21, 28, 35, 42, 49, 56, 63 and 70 days after plant sowing, DAS) with separation in leaves, stem and pods. Absorption of nutrients by the shoots of SEG CNFC 15874 follows the decreasing order N> K> Ca> Mg> P> S> Fe> Zn >Mn >Cu. The maximum accumulation of nutrients in the leaves and stem of the SEG was at 42 DAS (full flowering stage) and in the pods between 63 to 70 DAS (physiological maturation). Nitrogen, K, P, Ca, S, Fe, Zn, Mn and Cu was the order of accumulated nutrients in grains of super early genotypes. Nitrogen, P and Cu was the nutrients with higher amount in the grains of SEG. IPR Colibri had higher number of pods, mass of grains, total and pods biomass production, nutrients accumulation and grain yield than CNFC 15874. Nutrients should be available to SEG of common bean between 14-21 DAS (third trifoliolate leaf).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adriano Stephan Nascente, Embrapa Arroz e Feijão, Santo Antônio de Goiás, GO
Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Goiás (1986-1991), mestrado em Agronomia pela Universidade de Brasília (1996-1998) e doutorado sanduíche na Unesp - Botucatu e Universidade da Flórida em Homestead - Flórida, EUA (2009-2012) onde desenvolveu trabalhos sobre fracionamento físico da matéria orgânica. Trabalhou por 9 anos na Emater GO (1993-2002) antiga Emgopa onde atuou como pesquisador na área de fitotecnia. Desde maio de 2002 é pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa Rondônia 2002-2004 e Embrapa Arroz e Feijão 2004- atual). Tem experiência em transferência de tecnologia e nas áreas de Fitotecnia, Fertilidade do Solo e Adubação, atuando principalmente nos seguintes temas: desenvolvimento do sistema de produção do arroz e do feijão, manejo de plantas de cobertura, sistema plantio direto, adubação e nutrição de arroz e feijão, dinâmica de nutrientes e matéria orgânica em sistemas agrícolas e recuperação de pastagens degradadas. É autor de diversos artigos científicos em periódicos nacionais e internacionais como: Soil Science Society of America Journal, Crop & Pasture Research, Experimental Agriculture, Soil & Tillage Research, European Journal of Agronomy, Agronomy Journal, Crop Science, Pesquisa Agropecuária Tropical, Revista Ceres, Semina Ciências Agrárias, Pesquisa Agropecuária Brasileira, Planta Daninha e Revista Brasileira de Ciência do Solo. Coordenou e participou de vários projetos de pesquisa nos temas mencionados. É consultor ad-hoc da Crop Science, Revista Pesquisa Agropecuária Tropical, Revista Ceres, Revista Caatinga, Agronomy Journal, European Journal of Agronomy, African Journal of Agriculture Research, Soil & Tillage Research, Acta Amazonica, Archives of Agronomy and Soil Science e Journal of Environmental Quality. É editor associado da revista Pesquisa Agropecuária Tropical. Atualmente faz parte do conselho técnico interno (CTI) da Embrapa Arroz e Feijão com mandato até 03/2017. Faz parte da comissão para elaboração do plano estratégico da Embrapa Arroz e Feijão e é vice-coordenador do grupo de pesquisa e transferência de tecnologia dos sistemas agrícolas sustentáveis. Participou de missoes internacionais para Benin, Serra Leoa, Suriname e Mocambique para desenvolver atividades ligadas ao arroz de terras altas.
Maria da Conceição Santana Carvalho, EMBRAPA ARROZ E FEIJÃO
Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal da Bahia (1992), Mestrado em Solos e Nutrição de Plantas pela Universidade de São Paulo (1994) e Doutorado em Solos e Nutrição de Plantas pela Universidade de São Paulo (1999). Fez Pós-doutoramento no Centro de Energia Nuclear na Agricultura da Universidade de São Paulo (2000 e 2001), trabalhando com dinâmica da matéria orgânica do solo. Desde outubro de 2001 é pesquisadora da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa Algodão, Embrapa Arroz e Feijão). Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Fertilidade do Solo e Adubação, atuando principalmente nos seguintes temas: adubação em sistemas de produção, avaliação agronômica e de impacto ambiental de novas tecnologias em fertilizantes, dinâmica de nutrientes em sistemas agrícolas, dinâmica da matéria orgânica em sistemas agrícolas, manejo de solo e recuperação de pastagens.
Publicado
2018-05-04
Como Citar
Nascente, A. S., & Carvalho, M. da C. S. (2018). YIELD, BIOMASS PRODUCTION AND NUTRIENTS ACCUMULATION OF SUPER EARLY GENOTYPE OF COMMON BEAN. Colloquium Agrariae. ISSN: 1809-8215, 14(1), 101-114. Recuperado de http://journal.unoeste.br/index.php/ca/article/view/2031