QUALIDADE TECNOLÓGICA E ÉPOCAS DE COLHEITA DE NOVE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR PARA TIETÊ/ SP

Autores

  • Celina Maria Henrique APTA / SAA
  • Mônica Sartori de Camargo
  • Dulcinéia Elizabete Foltran
  • Patrícia Wyler

Palavras-chave:

sacarose, pol, qualidade

Resumo

Novas variedades de cana de açúcar, com melhorias tecnológicas, sendo desenvolvidas para ambientes e manejos específicos, surgem anualmente. Dessa forma, o objetivo foi avaliar a maturação e qualidade de variedades de cana-de-açúcar em diferentes épocas de colheita na estação experimental de Tietê. O experimento foi conduzido em Argissolo Vermelho Amarelo em blocos casualizados com 4 repetições, com as variedades IAC 86 2480; IAC 91 1099; IAC87 3396; IACSP 94-4004; IACSP 93-6006; IACSP 93-3046; IACSP 94-2094; IACSP 94-2101; RB 86 7515. Foram realizadas análises dos parâmetros relacionados à qualidade do caldo para análise tecnológica (Brix, Pol, açúcares redutores e totais e fibra da cana) e índice de maturação. O aumento do Pol apresentou aumento gradativo entre as épocas de colheita, sendo este a tendência do processo de maturação. Quanto ao índice de maturação, o comportamento das variedades foi semelhante, mas as variedades IAC SP 94-2094 e 94-2101 iniciaram o processo de maturação mais precocemente. As variedades IACSP 93-6006 e IAC 86 2480 tenderam a tombamento em janeiro, com baixa porcentagem de fibra e quantidade de chuva neste mês na região. A variedade que mais se destacou com o maior teor de fibra foi a IAC SP 94-2094 no mês de julho.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-02-16

Como Citar

Henrique, C. M., Camargo, M. S. de, Foltran, D. E., & Wyler, P. (2012). QUALIDADE TECNOLÓGICA E ÉPOCAS DE COLHEITA DE NOVE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR PARA TIETÊ/ SP. Colloquium Agrariae. ISSN: 1809-8215, 7(1), 01–08. Recuperado de https://journal.unoeste.br/index.php/ca/article/view/436