DIAGNÓSTICO COMPARATIVO ENTRE CITOLOGIA ASPIRATIVA POR AGULHA FINA E AVALIAÇÃO HISTOLÓGICA DA GLÂNDULA MAMÁRIA DE CADELAS

Autores

  • Raimundo Alberto Tostes CESUMAR
  • Noeme Souza Rocha UNOESTE

Resumo

O presente trabalho objetivou confirmar a eficiência da Citologia Aspirativa por Agulha Fina (CAAF) no diagnóstico de lesões da glândula mamária de cadelas. Durante o período de um ano, foram estudadas 148 cadelas, variando de 3 a 17 anos de idade, caracterizando-se 21 mastites, 21 neoplasias benignas e 21 malignas. A avaliação histológica foi realizada em todos os casos. Uma correlação positiva foi caracterizada em 80% dos casos entre os resultados da avaliação histológica e citológica. As limitações da CAAF são os casos falso-positivos. Na ausência de um diagnóstico citológico definitivo, uma biópsia e a avaliação histológica devem ser realizadas para confirmar uma possível lesão maligna clinicamente suspeita, mas não confirmada citologicamente. No contexto clínico, a CAAF tem um futuro promissor por evitar procedimentos invasivos desnecessários e propiciar ao cirurgião uma avaliação e abordagem mais racionais e precisas de lesões mamárias.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2006-12-07

Como Citar

Alberto Tostes, R., & Rocha, N. S. (2006). DIAGNÓSTICO COMPARATIVO ENTRE CITOLOGIA ASPIRATIVA POR AGULHA FINA E AVALIAÇÃO HISTOLÓGICA DA GLÂNDULA MAMÁRIA DE CADELAS. Colloquium Agrariae. ISSN: 1809-8215, 1(2), 38–42. Recuperado de https://journal.unoeste.br/index.php/ca/article/view/104