FORMAÇÃO CONTINUADA DESENVOLVIDA EM UMA ESCOLA MUNICIPAL DE CAMPO GRANDE-MS (2017-2019): UM ESPAÇO DE APRENDIZAGEM COLETIVA

Autores

  • Patricia Florencio da Silva Cardoso Escola Pública/UEMS
  • Iara Augusta da Silva UEMS
  • Vanessa da Silva Rubinho UEMS

Palavras-chave:

Formação continuada; Educação; Trabalho docente; Profissionais da educação.

Resumo

O artigo tem como finalidade apresentar um estudo sobre a formação continuada de professores, tendo como base a observação de uma experiência desenvolvida por uma Escola Municipal de Campo Grande-MS, no período de 2017 a 2019. Como procedimento metodológico utilizou-se a observação da experiência realizada pela escola que foi o lócus da pesquisa, como também a análise de documentos e normas legais. Tomou-se como pressuposto teórico-metodológico, para compreender a formação continuada, que a educação é um fenômeno social, portanto, é produto das necessidades postas em um determinado momento histórico. Como apoio para a fundamentação teórica das reflexões utilizou-se alguns autores como: Alves, 2005, 2006, 2008; Nóvoa, 2012; Magalhães e Azevedo, 2015. Os resultados da pesquisa apontam que a escola observada teve como princípio fundamental o trabalho coletivo, que procura envolver a coordenação pedagógica, a direção escolar e o grupo de professores, com o propósito de promover a ampliação do conhecimento dos professores. Os autores, de um modo geral, consideram que a formação continuada é uma questão fundamental no processo de construção de conhecimento do professor, visando o aperfeiçoamento do trabalho pedagógico. A discussão sobre a formação de professores deve estar relacionada com a análise sobre o contexto onde a escola está inserida.

 

Palavras-chave: Formação continuada; Educação; Trabalho docente; Profissionais da educação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALVES, G. L. A produção da escola pública contemporânea. Campo Grande, MS: ED. UFMS; Campinas, SP: Autores Associados, 2006.

ALVES, G. L. O trabalho didático na escola moderna: formas históricas. Campinas, SP: Autores Associados, 2005.

ALVES, G. L. Formação de professores: uma necessidade de nosso tempo?. Revista HISTEDBR On-line. Campinas, n. 31, p. 102-112, Set. 2008. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8653190/22299. Acesso em: 15 ago. 2020.

BRASIL. Presidência da República. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional Nº 9.394, de 24 de dezembro de 1996. Brasília, 2017.Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm>. Acesso em: 11 ago. 2020

BRASIL. Plano Nacional de educação: PNE 2014-2924. In: SAVIANI, D. Suplemento ao livro Sistema Nacional de Educação e Plano Nacional de Educação: significado, controvérsias e perspectivas. Campinas, SP: Autores Associados, 2014.

BRASIL. Ministério da Educação. Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais da Educação Básica. Brasília: MEC, SEB, DICEI, 2013. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/docman/julho-2013-pdf/13677-diretrizes-educacao-basica-2013-pdf/file. Acesso em: 31 jul. 2020

CAMPO GRANDE. Escola Municipal de Campo Grande-MS. Projeto Político Pedagógico, 2016. Disponível na Biblioteca da Escola em formato impresso.

CAMPO GRANDE. Escola Municipal de Campo Grande-MS. Regimento Escolar. Aprovado pela Ata nº 04, de 05 de julho de 2019. Disponível na Biblioteca da Escola em formato impresso.

CAMPO GRANDE. Secretaria Municipal de Educação. Resolução nº 200, de 21 de novembro de 2019. Diário Oficial de Campo Grande, de 25 de novembro de 2019, p. 17-18. Disponível em: http://portal.capital.ms.gov.br/diogrande/diarioOficial. Acesso em: 25 mar. 2020.

HENGEMÜHLE, A. Gestão de ensino e práticas pedagógicas. Petrópolis, RJ: Vozes, 2007.

MAGALHÃES, L. K.C. de; AZEVEDO, L. C. S. S. Formação continuada e suas implicações: ente a lei e o trabalho docente. Caderno Cedes. Campinas/SP, v. 35, n. 95, p. 15-26, jan.-abr. 2015.

NÓVOA, A. Devolver a formação de professores aos professores. Cadernos de Pesquisa em Educação. Vitória/ES, a. 9, v.18. n.35, p. 11-22, jan/jun. 2012.

REBOLO, F.; TEIXEIRA, L. R. M.; PERRELI, M. A. de S. (Orgs.). Docência em questão: discutindo trabalho e formação. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2012.

SILVA, A. T. T.; VARGAS, I. A. de. Formação de professores de geografia no âmbito da escola pública de Campo Grande (MS). In: CATAMANTE, B. R.; PAIXÃO, R. O.; SILVA, W. G. da. Saberes e fazeres educacionais: reflexões e experiências em torno da formação de professores, diversidade e organização do trabalho didático. Dourados, MS: Seriema, 2016, p. 165-185.

TEIXEIRA, L. R. M. A formação docente: as narrativas autobiográficas como recurso para um enfoque clínico. In: REBOLO, F.; TEIXEIRA, L. R. M.; PERRELI. M. A. de S. (Org.). Docência em questão: discutindo trabalho e formação. Campinas, SP. Mercado de Letras, 2012, p. 109-134.

Publicado

2020-12-18

Como Citar

Florencio da Silva Cardoso, P., Augusta da Silva, I., & da Silva Rubinho, V. (2020). FORMAÇÃO CONTINUADA DESENVOLVIDA EM UMA ESCOLA MUNICIPAL DE CAMPO GRANDE-MS (2017-2019): UM ESPAÇO DE APRENDIZAGEM COLETIVA. Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 17, 314-328. Recuperado de http://journal.unoeste.br/index.php/ch/article/view/3717