A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES NA EDUCAÇÃO INFANTIL NA PERSPECTIVA DO BRINCAR

  • Evanileide Patrícia Lima Figueira
  • Lívia Bernardes Rodrigues
  • Renata Portela Rinaldi UNESP-FCT
Palavras-chave: Formação de Professores. Trabalho docente. Educação infantil. Brincar. Pesquisa bibliográfica.

Resumo

A Educação Infantil, primeira etapa da educação básica, possui peculiaridades próprias, decorrente das especificidades das crianças, que tem o brincar como atividade fundamental ao seu desenvolvimento. Nessa perspectiva, temos como objetivo compreender o que revelam as produções científicas em teses e dissertações acerca da formação de professores na Educação Infantil, tendo o Brincar como eixo norteador do processo. A pesquisa teórica vincula-se a uma pesquisa mais ampla sobre a formação de professores e o trabalho docente nos diferentes níveis de ensino. Foi norteada pela abordagem qualitativa, do tipo pesquisa bibliográfica; realizada na base de Dados da Biblioteca Digital de Teses e Dissertações (BDTD), no período de 2000-2016, com critérios previamente definidos. Inicialmente os resultados apontaram 50 trabalhos, que, após análise individual, constatou-se apenas 3 vinculados à temática sobre o Brincar. Percebemos, de modo geral, que a etapa da Educação Infantil parece silenciada nas pesquisas realizadas nos últimos 17 anos.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-05-23
Como Citar
Patrícia Lima Figueira, E., Bernardes Rodrigues, L., & Rinaldi, R. P. (2018). A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES NA EDUCAÇÃO INFANTIL NA PERSPECTIVA DO BRINCAR. Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 15(1), 09-15. Recuperado de http://journal.unoeste.br/index.php/ch/article/view/2177