O NACIONAL DESENVOLVIMENTISMO E A EDUCAÇÃO: REFLEXOS NO CONTEXTO PAULISTA

Autores

  • Jorge Luís Mazzeo Mariano USP/UNESP
  • Arilda Ines Miranda Ribeiro

Palavras-chave:

Nacional desenvolvimentismo, Juscelino Kubistchek, Brasil, Estado de São Paulo, financiamento da Educação.

Resumo

O nacional desenvolvimentismo é alardeado como um momento de modernização para o Brasil. Contudo, é notável que a Educação não recebeu os mesmos incentivos que os demais setores. O principal objetivo do presente texto é analisar os condicionantes macroestruturais, especialmente os políticos, que incidiram sobre educação brasileira de um modo geral, e na realidade paulista, em particular, entre os anos de 1956 e 1961. Como metodologia, esta investigação se respaldou em uma abordagem qualitativa, utilizando-se da análise bibliográfica como método de coleta de dados. Como resultado, constatou-se que muito embora o governo do Estado de São Paulo conhecesse o problema da falta de prédios escolares, os investimentos decresceram no final da década de 1950. Por fim, como a preocupação dos governos se voltou para o atendimento da demanda, mas com baixos investimentos em infraestrutura e qualidade da educação, um cenário de estagnação se estabeleceu, sobretudo a partir de 1964.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-05-29

Como Citar

Mariano, J. L. M., & Miranda Ribeiro, A. I. (2017). O NACIONAL DESENVOLVIMENTISMO E A EDUCAÇÃO: REFLEXOS NO CONTEXTO PAULISTA. Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 13(4), 53–59. Recuperado de http://journal.unoeste.br/index.php/ch/article/view/1845